Mais atenção ao pedestre e à bicicleta

Esquerda
 

A Plataforma 2018: Brasil do Amanhã debateu Mobilidade Urbana e Cidades Inteligentes na noite de 11 de junho de 2018, no auditório do Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro. 

O evento teve curadoria assinada por Walter de Simoni, coordenador de Transporte do Instituto Clima e Sociedade (iCS). 

Ele defendeu que é preciso focar no transporte público sob dois aspectos: pelos investimentos diretos e pelo incentivo ao transporte ativo. Segundo ele, precisamos aumentar os investimentos para ampliar o acesso para as populações mais necessitadas e adotar mais transparência nos processos, da licitação à operação. Em segundo lugar, precisamos estimular o transporte ativo, melhorando a infraestrutura para os pedestres e para os ciclistas.

“A bicicleta tem crescido como meio de transporte, e a gente precisa melhorar a vida do ciclista até na parte de comportamento e regras do trânsito, para o ciclista poder chegar são e salvo e com rapidez ao seu destino", lembrou. 

2018: Brasil do Amanhã - Walter di Simoni