2018 Brasil do Amanhã

Esquerda
Azul
plataforma

A Plataforma 2018: BRASIL do Amanhã

Em tempos de tanta polarização, falar de eleições e de política não tem sido fácil para ninguém. O Brasil, os brasileiros e as brasileiras necessitam debater temas que nos são caros e que nem sempre estão na pauta política, de modo a desenvolver agendas propositivas para o país neste ano tão decisivo para o Brasil.

A Plataforma 2018: Brasil do Amanhã foi criada para elevar o nível da pauta política de 2018. Esperamos que os debates realizados no Museu do Amanhã e as demais ações realizadas pela Plataforma 2018: Brasil do Amanhã nas redes sociais possam ajudar a esclarecer a sociedade e aproximá-la do processo político, pois, só assim, com a sociedade participando do processo político, vamos conseguir transformar e melhorar o nosso Amanhã.

Agenda de EVENTOS

A Plataforma 2018: Brasil do Amanhã realizará uma série de eventos no auditório do Museu do Amanhã entre outubro de 2017 e outubro de 2018. O lançamento da Plataforma aconteceu dia 16 de outubro de 2017, debatendo o tema Caminhos para a Democracia

O primeiro evento de 2018 foi sobre "Segurança Pública", dia 19/02. O evento sobre Água e Saneamento aconteceu dia 09/04. Ciência, Empreendedorismo e Inovação estiveram em debate no dia 07/05. Mobilidade Urbana e Cidades Inteligentes foram os temas debatidos no dia 11/06. Já no dia 30/07, o tema em debate foi Cultura e Alimentação esteve em debate no dia 13/08. O evento sobre Florestas foi no dia 17/09 e o de Energia no dia 1/10.

A Plataforma 2018: Brasil do Amanhã debaterá também Educação no dia 15/10.

Reserve as datas na sua agenda.

Direita
Amarelo
agenda
Concepção e Realização
col-md-5 carrosel-col-main
Apoio
apoiadores
col-md-7

Lançamento da Plataforma 16.10.2017

A Plataforma 2018: Brasil do Amanhã foi lançada no dia 16 de outubro de 2017, em um evento no auditório do Museu do Amanhã que debateu Caminhos Contra a Polarização Política e contou com a presença, como debatedores, do Ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Herman Benjamin; do professor da Unicamp e filósofo Marcos Nobre; da diretora-presidente do Instituto Igarapé, a cientista política Ilona Szabó e do o secretário-geral do Grupo de Institutos, Fundações e Empresas (Gife), José Marcelo Zacchi.

Após o painel “Caminhos da Democracia”, foi exibido o primeiro episódio da série “História do Futuro”, feita por Miriam Leitão na GloboNews.

Nos acompanhe nas redes sociais:

 
Verde
lancamento
Herman

Contato